Junior Meirelles lança primeiro álbum desde participação no The Voice Brasil: “Posso garantir que o tempero está ótimo!”

. . Nenhum comentário:

Junior Meirelles foi um dos destaques da primeira edição do The Voice Brasil. Aproveitando o crescimento na carreira após sua participação no programa musical, no qual teve como técnico Carlinhos Brown, o cantor está prestes a fazer o show de lançamento de seu primeiro disco desde a saída do The Voice, Pra Quem Tem Coragem.

Ele contou ao blog que há cerca de dois anos está criando o repertório para esse projeto. “Ele foi feito artesanalmente. Basicamente, eu fazia o arranjo de base, contando com sugestões de concepção do meu empresário Alberto Coutinho. O DJ Tubarão desenvolvia um Beat e o Sandro Haick concluía, gravando cada hora com um instrumento diferente. Foi uma forma bem democrática de se produzir um álbum”, explicou Junior, que tem na música brasileira, no jazz americano e no pop mundial suas principais influências.

A escolha do repertório de Pra Quem Tem Coragem foi feita por Junior em parceria com o DJ Tubarão e Alberto Coutinho. O cantor ainda disse que algumas canções foram criadas dentro do estúdio mesmo, durante a produção. A mensagem que deseja passar? “As canções falam do cotidiano, principalmente da nova forma de relacionamento entre as pessoas”, disse o cantor.

O show de lançamento de Pra Quem Tem Coragem acontece nesta quinta-feira, 27 de novembro, no Club A São Paulo WTC. Junior já adianta como será a apresentação: “Posso dizer que será um show pra cima, e fica bem claro pro público a atenção aos detalhes do show”, e completa: “Produzimos Pra Quem Tem Coragem como quem cozinha para receber os amigos em casa e posso garantir que o tempero está ótimo!”, brincou.

Outra curiosidade sobre a carreira de Junior é que ele criou o Stand Up Musical, em que cria as batidas, usando o beat box como base e também a improvisação na hora do show. “O Beatbox invadiu minha vida em 2007 durante a tour "Inclassificáveis" que fiz com Ney Matogrosso e não parei mais. Já o Stand up musical é uma forma de divertir as pessoas com música ao invés de piadas. Crio músicas, batidas, na hora sentindo o clima do público, é um show bem orgânico”.

E Junior conta que Carlinhos Brown amou seu trabalho. “Eu participei do Sarau Du Brown em 2013 a convite do Cacique Carlinhos, que pirou no som e principalmente na reação do público, era uma plateia de mais ou menos 7.000 pessoas, aí foi só alegria”.

Ao ser questionado sobre sua participação no The Voice Brasil, Junior explica que o programa é uma vitrine e, após essa exposição, muita gente procura os artistas e para manter a carreira, basta saber administrá-la. “O segredo é saber que caminho trilhar. Sempre segui minha essência musical e acredito que a sustentação de uma carreira artística deve estar baseada na verdade de cada um. Confesso que estou feliz com minha trajetória e agradeço a oportunidade de participar do The Voice, principalmente pela visibilidade, pois até nos dias de hoje sou apoiado por ações promocionais de ponta, além das amizades que conquistei e cultivo até hoje”, finalizou.

Relembre uma das apresentações de Junior Meirelles no The Voice AQUI

Foto: Edu Pimenta


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga-nos

Facebook

Newsletter

Translate