Gabriel Valim, dono do hit Piradinha, sobre o que espera de 2014: ''Quero trabalho em dobro''

. . Nenhum comentário:




Gabriel Valim se destacou no meio sertanejo com o hit Piradinha em 2013. A música tema da personagem de Tatá Werneck em Amor à Vida rendeu aparições do cantor em diversos programa televisivos, rádios e aumentou a agenda de shows dele, que agora precisa conciliar com a vida pessoal, já que João Gabriel, seu primeiro filho nasceu no final do ano passado. “O tempo que tenho livre é para minha família. Para minha esposa e principalmente pro João”, disse Gabriel ao Farol Pop.

O cantor está trabalhando na divulgação de seu primeiro disco pela Som Livre. O álbum que traz seu nome, sendo a maioria das canções assinada por Gabriel Valim. As melodias de muitas das canções são voltadas para o ‘sertanejo eletrônico’ e o cantor explica que, na realidade, começou compondo canções românticas e depois que gostou dessa mistura mais agitada de sertanejo com as batidas de música eletrônica.

“Olha, o que muita gente não sabe, é que comecei como compositor de música romântica, e eu adoro falar de amor. Mas eu também gosto muito da mistura que eu faço de sertanejo com eletrônico. Com certeza, o que marcou foram as músicas com batida pra cima, que é o que pega nas baladas né?! Mas o meu CD é uma mistura, também tem músicas românticas”.

Sobre 2013

Quando questionado sobre o ano que passou, Gabriel só tem a agradecer e demonstra alegria pelo reconhecimento de seu trabalho. “A única coisa que posso dizer é que foi maravilhoso. Eu realizei muitos dos meus sonhos, como aparecer nos programas de grande expressão. Eu sonhava um dia estar na TV dando entrevista pro Faustão, pra Xuxa, Serginho Groisman, pra Eliana, enfim, e consegui tudo isso”, conta.

“Fiz os mais importantes programas de TV e rádio, fiz shows maravilhosos e ganhei muitos fãs, e o que me deixa mais feliz é que meus fãs são de todas as idades, de criancinhas aos velhinhos, recebo muito carinho por onde passo. Só tenho a agradecer a Deus e a todos que direta ou indiretamente fizeram parte do meu 2013”, completou.

Canção ‘polêmica’

Em seu novo disco, Gabriel gravou uma canção chamada Tipo Jurerê, que fala a respeito das mulheres de Jurerê Internacional, que andam com bolsas e roupas de marca e estão no salão ou shopping fazendo compras. Jurerê é uma das cidades mais procuradas por turistas no sul do país. A composição não foi muito aceita por quem é da cidade mas, para o cantor, são poucas pessoas que não apoiaram a música.

“Eu li sobre isso do pessoal de Jurerê não ter gostado, porém acredito que foi uma minoria. Para mim não tem nada a ver, a música fala de coisa boa, quem vai à Jurerê se apaixona e, a música fala da mulher que é ‘Tipo Jurerê’, que tem grana, que anda com roupas de marca, mas nada denegrindo a imagem da mulher. Jurerê tem fama de ser um lugar de pessoas endinheiradas, é isso”, contou, explicando sobre a ideia da composição: “A ideia da música veio de um amigo que estava falando comigo e lançou essa gíria, eu achei muito legal e fiz a música” (risos).

Fãs

O cantor tenta ao máximo responder aos recados dos fãs nas redes sociais e é grato pelo carinho deles. “Eu procuro responder sempre. Eles são meu termômetro, né?”, disse.

“Se eles me procuram, me elogiam, é porque estou no caminho certo. São eles que ligam nas rádios, que compram o CD, que vão aos shows. Tem uma fã que é da Bolívia e ela soube de um show numa cidade do interior do Sul, e veio pra cá. Pegou avião, horas de ônibus só para ver meu show e me dar um abraço no camarim. Nunca vou esquecer disso”.

Em 2014

Para o novo ano que está só começando, Gabriel deseja apenas uma coisa “Espero que os trabalhos dobrem” (risos). A divulgação do novo trabalho está no início. “Meu disco tem sido bem recebido pelas pessoas e vou continuar trabalhando na divulgação dele”, finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga-nos

Facebook

Newsletter

Translate