Léo Magalhães: ''O sertanejo hoje não é apenas um estilo musical, é um estilo de vida''

. . Nenhum comentário:


O mineiro de Teófilo Otoni, Léo Magalhães, comemorou 10 anos de história na música sertaneja com a gravação do quarto DVD da carreira em Goiânia na quarta-feira, 4 de dezembro. O cantor ainda contou, para a festa, com participações especiais de nomes consagrados e novos do meio musical.

Nestes 10 anos de história, para Léo o sertanejo já está em evidência há 20 anos. “Ela [música sertaneja] é número 1 há 20 anos. Esse preconceito não é da minha época, mas é hoje 100% o estilo mais executado. A música sertaneja não é só um estilo musical, é um estilo de vida. Você liga o rádio, ouve sertanejo durante o dia, tarde, noite e até madrugada. E cada vez mais a música sertaneja se faz presente e cada vez mais se renovando e dando continuidade ao nome sertanejo. E eu estou aqui para isso”, explicou.

Goiânia

A data de 10 anos de carreira é importante para um artista e a escolha de Goiânia foi estratégica devido aos convidados. Mas Léo tem projeto de gravar algo em sua terra natal, Teófilo Otoni. “Eu tenho uma história muito bonita com Goiânia pela facilidade de logística de trazer os artistas. Mas Goiânia tem um sabor especial e meu escritório é aqui. Tenho vontade de gravar meu próximo projeto na minha terra natal”.

DVD

Com canções românticas inéditas e regravações, ele trouxe para o repertório 20 músicas e apesar de todo o atraso para o início da gravação e a repetição de algumas músicas para tudo sair perfeito, o público ficou presente, participando do DVD.  “A gente reuniu músicas dos últimos 10 anos. 80% são inéditas. A gente não sabe onde mora o sucesso, mas a gente tem uma percepção para escolher músicas boas. É difícil escolher o repertório, mas a gente fica feliz em escolher essas músicas que vão ser sucesso”, contou.

Entre as participações já conhecidas e influências para o cantor, como Leonardo, Eduardo Costa e Bruno e Marrone, Léo ainda chamou nomes novos do estilo musical, como Gabriel Gava e Lucas Lucco. “Lucas é um novo nome do mercado e ele vai somar na minha carreira e eu vou somar na carreira dele. É jovem de muito sucesso e promessa para 2014”, disse o cantor.

“Os outros são amigos, pessoas que têm o mesmo estilo musical que eu, pessoas que eu escuto desde sempre, como o Eduardo que é meu conterrâneo, de Minas Gerais. Todos têm a ver comigo e os outros são revelações, são jovens”, completou.

Outras participações foram do cantor Xandy do grupo Aviões do Forró e Robério e seus Teclados.

Eduardo Costa não conhecia o cantor pessoalmente, mas é admirador de seu trabalho: “Ele é um dos artistas que mais gosto dessa nova remessa de cantor solo. Ele tem uma coisa muito respeitosa com a música sertaneja. Ele trouxe a batida do arrocha. A primeira vez que ouvi ele há alguns anos, ele fazia o arrocha ainda com o teclado. Ele popularizou o arrocha no sertanejo”. Juntos ele gravaram a romântica Ai o Homem Chora. “Quantas vezes ela abriu o coração para eu entregar o seu amor e eu fui idiota inconsequente e nunca parei para ouvir...”, cantou Eduardo, mostrando um trechinho da composição. “É melosa mesmo, daquelas de beijar pelado”, brincou.

Já Lucas Lucco, a responsabilidade de cantar Mulher não Trai que não é o perfil de Léo Magalhães é grande: “Ele tem uma vibe muito diferente da minha e é uma mistura que a gente viu nos ensaios que ficou muito boa, bem a minha cara e ele apostou nisso também. Ele não tinha apostado em músicas desse tipo e a canção é animada, um pouco picante. Eu posso dar um outro sentido, talvez, nesse DVD para ele apostas mais nesse estilo”, disse Lucas.

Quem também participou foi Xandy, do Aviões do Forró, amigo de longa data de Léo Magalhães: “Eu conheci ele em uma cidade chamada Eunápolis, na Bahia. Ele não era o sucesso todo que é, mas a gente sempre se via nos palcos no Pará, Piauí. E um dia ele estava de folga em Petrolina e eu convidei para fazer uma participação no meu show lá e ele comentou que queria que eu participasse do DVD dele. Mas isso faz tempo e eu achava que ele tinha esquecido. Ele me ligou tem um mês e fez o convite. Aceitei na hora”.

A música gravada com Xandy foi uma das inéditas, a canção Eu Amo Amar Você. “Ele misturou o ritmo dele e depois passa para o forró, que é o meu estilo”, finalizou.

Veja o repertório:

Onde Anda Meu Amor
Nosso Casamento
Alô
Ai o Homem Chora (Participação de Eduardo Costa)
Melhor Amigo Seu
Dá Um Tempo
Eu Ano Amar Você (Participação de Xandy)
Quero Ter Você
Meu Amor Volto
Vem Fazer Amor Comigo (Participação de Leonardo)
Primeiro Beijo
A Atual e a Ex (Participação de Gabriel Gava)
A Pobreza
Será que ela Vem (Participação de Bruno e Marrone)
Me Liga Beijo e Tchau
Pelo Menos Como Amigo
Eu To Deprimido (Participação de Robério e seus Teclados)
A decisão é sua
A Mulher Não Trai (Participação de Lucas Lucco)
As Loiras 

Mais Fotos










Fotos: Maraísa Bueno

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga-nos

Facebook

Newsletter

Translate