Conheça Lucas Morato, filho do cantor Péricles, que está seguindo os passos do pai na carreira musical

. . Nenhum comentário:

O ditado Filho de Peixe, Peixinho é, cabe perfeitamente para Lucas Morato. O motivo? Ele é filho de um dos cantores mais renomados no samba, Péricles e está seguindo a carreira do pai. O jovem cantor e compositor, de 20 anos, está se lançando na carreira solo, depois de estar a frente de um grupo de pagode, e acaba de apresentar sua primeira música de trabalho, Tô Mudando, que estará em seu disco de estreia, com lançamento previsto ainda para este ano.

O Farol Pop conversou com Lucas, que falou a respeito da ajuda do pai, além de querer mostrar que, apesar de ter escolhido o mesmo estilo musical que Péricles, possui personalidade diferente da do cantor.

Quando tudo começou

Apesar de ter apenas 20 anos, Lucas começou cedo no mundo da música. Não apenas por causa do pai cantor, mas a família inteira acabou influenciando em sua carreira. “A família inteira praticamente é muito musical. Tenho parentes musicistas, mas posso dizer que grande parte foi mesmo por causa do meu pai”.

“E a partir do momento que eu comecei vi que o samba e o pagode tinham mais a ver comigo e eu gostava mais de tocar”, completou.

Além do envolvimento com a música desde muito cedo, Lucas começou a compor quando criança e aprendeu a tocar violão sozinho.

Apesar de ser um cantor voltado para o pagode, Lucas conta que adora ouvir outros estilos musicais, passando pela música americana, com foco em soul music e R&B. “Eu fico atrás das novidades, frases novas, palavras que marquem para me ajudar nas minhas composições”.

Filhos do Samba

Aos 12 anos, Lucas se uniu a amigos que são filhos de cantores ou músicos também do samba e formou a Filhos do Samba, onde ficou à frente durante 7 anos. “Quando vi que a música seria a parte da minha vida, passei a sonhar em ter um grupo e a ideia principal era essa mesmo, de todos os integrantes terem um parente musical. Chegamos a lançar duas músicas, Quatro Campos, de Thiago Oliveira, e uma minha, É Pra Valer.

A ideia de seguir carreira solo surgiu no ano passado: “Meu pai perguntou se era isso mesmo que eu queria para mim e resolvi me lançar sozinho.”

Pai coruja

Uma das primeiras aparições de Lucas Morato é possível ser vista no primeiro DVD de Péricles, gravado ano passado, após o fim do grupo Exaltasamba, quando os integrantes  seguiram com carreira solo. Lucas cantou ao lado do pai a faixa Linda Voz.

“Foi um momento muito marcante na minha vida, porque tudo estava mudando, posso escrever até um livro desse dia de tanta coisa que se passou na minha cabeça”, brincou.

E pai e filho possuem uma relação de cumplicidade e muita amizade. “Ele gosta muito do fato de eu querer, correr atrás disso, então a gente conversa muito, não só sobre a parte musical, mas no geral mesmo”.

Péricles já chegou a ver uma apresentação de Lucas, em Santo André, São Paulo. “Fiquei com um frio na barriga em saber que ele estava lá, com medo de errar a letra, mas deu tudo certo, estava começando, mas deu tudo certo”.

Primeiro disco

Lucas entrará em estúdio a partir deste mês para gravar as outras 13 faixas restantes das 14 que estarão no disco de estreia. E o cantor acredita que o projeto poderá mostrar realmente seu estilo que, apesar de ser o mesmo do pai, terá suas diferenças.

“Eu acho que todo mundo vai acabar me descobrindo. Muita gente acha que me conhece, pelo fato de conhecer meu pai, acha que é esse o som que eu vou fazer e talvez não seja isso. O pessoal vai ver a diferença de quem é o Lucas Morato e quem é o Péricles. Temos personalidades diferentes”, finalizou.

Conheça a primeira música de trabalho de Lucas Morato, Tô Mudando, composição de Elizeu Henrique e Cleitinho Persona


Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Siga-nos

Facebook

Newsletter

Translate